O RETORNO À SÉRIE A, E O VASCO QUE QUEREMOS!


image002

Sábado passado o Vasco bateu o Bahia, no Maracanã e somou 66 pontos. Até hoje nenhum clube que disputou a Série B deixou de ser promovido à Série A com esta mesma pontuação. Não é, portanto, um abuso, ou excesso de confiança, confirmar aqui que já conseguimos nosso acesso. Daqui para frente os próximos resultados definirão nossa posição final no G-4 do acesso.

 

No post anterior falamos de euforia, sem comemoração. No Vasco x Bahia, eu vi parte de nossa torcida, a maioria de jovens, gritando “É campeão” e, também, provocar a molambada.

 

Quanto a estes dois fatos e o nosso post anterior, gostaria de dizer o seguinte: Subir era e é uma obrigação. Ser campeão idem! Somos o Vasco da Gama e eu não preciso lembrar aqui os títulos que nos conferem o Status que temos de Gigante brasileiro nos cenários Nacional e Internacional, em especial, na América do Sul.

 

Contra o Fortaleza, a despeito dos 5 mil ingressos a nós destinados, duvido que a nossa torcida se resumirá a este número! Lógico que muitos Vascaínos estarão presentes amanhã no Castelão para fazer mais uma grande festa! E estou confiante numa boa atuação da equipe, com mais uma vitória, como deve ser, aliás, porque o Vasco é favorito para este jogo, sem medo algum de afirmar isto!

Gritar “é campeão” é demais, por conseguinte. Lógico que se ganharmos a Série B teremos interrompido uma seqüência de 6 anos sem títulos, mas ô título que não dá para comemorar! É um acesso à Série A o troféu em jogo, e não o título em si. O Vasco investiu pesado neste retorno, se planejou, profissionalizou seu Depto. de Futebol e este campeonato soa como conseqüência natural de tudo isto, tanto quanto o rio corre para o oceano.

Eu digo que gritei, no sábado passado, “O meu Vascão voltou!” e fiquei admirando a força da Torcida, os cânticos dos Guerreiros do Almirante, que belíssimo espetáculo, de novo, deu nossa Torcida! Pensei comigo: Como podem ter feito uma coisa dessas com este Clube, com esta Paixão! Nós não merecíamos isto! E mais nada! Nada de gritar campeão. Como poderia gritar campeão se já o fiz quando ganhamos os Brasileiros de 89, 97 e 2000?! (74 eu tinha 3 anos, apenas). Quando comemorei Libertadores e Mercosul?! Imaginem meu padrinho que acompanhou o Sul-Americano de 48 e me conta que a festa foi a mesma da conquista da Libertadores! Que ele reviveu em 98 uma emoção que já conhecia!

Mas que bom que está sendo reparado o mal, face ao acesso garantido, e aos projetos em curso no clube, atualmente.

Quanto ao futebol, bom, isto vamos ter que melhorar mesmo, pois este time precisa de reforços, evidentemente. Agora faremos propostas e elas serão aceitas, porque muitos desejarão atuar no Vasco, na Série A. O Vasco da Gama que é, novamente, um clube de ponta, da primeira divisão do Brasil.

Deixemos que os jogadores e a Comissão Técnica celebrem o sucesso em sua luta, na meta que alcançaram. Eles tiveram a missão de nos levar de volta ao nosso lugar na A, e o fizeram. Fiquemos contentes pela volta, mas sem esta de gritar campeão e provocar os molambos. Pensemos no nosso Vascão e cantemos nosso amor pelo nosso clube. Os outros, que fiquem pra lá com seus problemas.

Este troféu. Bem, este troféu, para mim, tem duas facetas: A primeira: Ele é uma advertência para que nunca nos esqueçamos de cuidar bem de nosso clube, de bem administrá-lo e de montar bons elencos. É para isto que serve este troféu! Para advertir sobre o que acontece quando se tratar mal um clube da grandeza do Vasco. A segunda faceta: Pedra Fundamental! Só levanta a poeira e dá a volta por cima quem reconhece a queda. Nisto a Diretoria, Comissão Técnica, jogadores e torcedores pelo Brasil todo estão de parabéns. Levantamos a cabeça, arregaçamos as mangas, juntos trabalhamos e numa sinergia incrível Clube-Torcida levantamos o nosso Vasco e o conduzimos de volta à Série A do Brasileirão.

Nunca vi tanta gente usando a camisa do Vasco, comprando produtos do Vasco e celebrando o seu amor pelo Vasco como neste ano de 2009! Imaginem 2010!!! Foi sem dúvida uma grande volta por cima, uma linda virada, sim! Se a Série B foi uma vergonha, ao menos aproximou a torcida do Clube novamente, muita gente afastada voltou a contribuir, isto sem falar na mentalidade da torcida, que está mudando para melhor, mais vibrante, mais apaixonada, com amor incondicional pelo Club de Regatas Vasco da Gama!

Há ainda fatos a serem esclarecidos sobre denúncias feitas sobre supostos parentes do Presidente trabalhando no CRVG por salários altos. Fatos que precisam ser respondidos e devem! Mas não se pode deixar de destacar que depois dos erros cometidos em 2008, após o dia 2 de Julho, com indicação de Neca para VP de Futebol, Tita para o comando técnico e o pior plantel da História do Vasco, só para ficar por aqui, porque outros aconteceram, hoje, temos um programa de Sócios, temos uma ação bem coordenada de Marketing, temos um Departamento de Futebol amador e profissional profissionalizados, que certamente darão bons resultados. Reforços virão em todas as categorias, como já estão se anunciando, pelas notícias que lemos nos sites relacionados ao CRVG, estamos mirando um CT, virá a reforma de nosso Estádio, investimento em esportes Olímpicos, porque temos a Eletrobrás e a Penalty como parceiros e outros estão por vir.

Além das realizações alcançadas e dos projetos anunciados ou em curso, precisamos da reforma de nosso Estatuto, de sua adequação às exigências do novo Código Civil, eleições com urnas eletrônicas, sempre, e que isto seja inalterável, bem como a expansão das atividades sociais para os novos associados do Vasco, nas nossas sedes de São Januário e Calabouço. O Vascaíno precisa voltar a freqüentar o clube intensamente.

Erros no início, lições tiradas, explicações ainda por dar, mas as coisas caminham numa direção que deixam o Vascaíno otimista quanto ao futuro, quanto a 2010, 2011, 2012….

Que os jovens Vascaínos, nossas crianças vascaínas, possam conhecer o Vasco da Gama vencedor, que eu conheci quando menino! O Vasco que entra como favorito em qualquer competição que disputa, que não tem um único rival ou joga um “campeonato à parte”, um Vasco da Gama o Vasco respeitado e temido no Brasil e no exterior, que é vencedor, que é Campeão!!!

 

Marcus Simonini

Incondicionalmente Vasco!

Anúncios